Plataforma de Conteúdo Facens

V8 Racing da Facens é a 1ª equipe de Fórmula SAE Combustão do Brasil e top 10 das Américas

Por: - 5 meses

Após etapa de Michigan-EUA, realizada entre 8 e 22 de maio, a atualização do ranking mundial de Fórmula SAE Combustão mostra a equipe do centro universitário de Sorocaba no 43º lugar entre as 621 equipes de instituições de ensino superior de todo o mundo, classificação que a coloca como a melhor equipe do Brasil, na liderança da América Latina e em décimo lugar entre as equipes das Américas, incluindo Canadá e EUA; Ranking pode ser consultado em https://mazur-events.de/fs-world/C/

A equipe V8 Racing, da Facens, não disputou a etapa da Fórmula SAE realizada em Michigan – EUA, de 8 a 11 de maio, mas isso não abalou sua classificação no ranking mundial e menos ainda a vontade de competir. “Estamos trabalhando fortemente no desenvolvimento e construção de um novo protótipo para a competição brasileira no final do ano, onde brigaremos para conseguir novamente o primeiro lugar e garantir nossa vaga em Michigan, em 2020”, diz Fernando Moura, coordenador do LINCE -Laboratório de Inovação e Competições em Engenharia, da Facens.

Por enquanto, além de trabalhar no novo carro, que será ainda mais tecnológico e competitivo, a equipe V8 comemora a classificação no ranking mundial, atualizado após a etapa de Michigan: está em 43º lugar entre as 621 equipes de todo o mundo que participam da competição organizada pela Society of Automotive Engineers para dar aos estudantes de Engenharia a oportunidade de aplicar na prática os conhecimentos adquiridos em sala de aula, desenvolvendo um projeto completo e construindo um carro tipo Fórmula. Com essa posição no ranking mundial, a equipe V8 da Facens assume a liderança entre as instituições brasileiras da categoria combustão. “Nossa posição não é simplesmente a melhor do Brasil, mas também a melhor entre todas as equipes da América Latina e a décima entre as equipes das Américas, incluindo EUA e Canadá”, afirma o coordenador do LINCE.

Moura explica que o 43º lugar no ranking mundial é uma posição alta, principalmente considerando a quantidade e qualidade de participantes e a complexidade dos dados que são avaliados para chegar aos resultados. “Não se trata de uma simples somatória de pontos. O ranking leva em conta o grau de dificuldade /competitividade de cada evento, a posição final da equipe em cada evento, atribui peso maior a eventos recentes, enfim, considera todo o histórico da equipe, em todas as competições que ela participou, o que valoriza ainda mais nossa posição mundial e no Brasil”, acrescenta o coordenador do LINCE e orientador da equipe V8 Racing.

Sobre a Fórmula SAE: O projeto SAE foi criado em 1976 na Universidade da Carolina do Sul, nos Estados Unidos, onde a primeira competição ocorreu. No Brasil foi lançado em 1994, ano em que a SAE BRASIL realizou a primeira prova em âmbito nacional, na pista Guido Caloi, bairro do Ibirapuera, em São Paulo. Dois anos depois, em 1996, a competição foi transferida para o Autódromo de Interlagos, onde ficaria até 2002. A partir de 2003 a competição passou a ser realizada em Piracicaba, interior de São Paulo, até 2016, quando começou a ser realizada em São José dos Campos (SP). Desde 1997 a SAE BRASIL, por meio de suas Seções Regionais, realiza, ainda, etapas regionais do Baja, em vários estados brasileiros como Rio Grande do Sul, São Paulo, Minas Gerais e Bahia.

Comentários